31/03/2021

Bibliotecas

Multiplicando a fé

Multiplicando a fé

Como iniciar o ano com otimismo diante de todas as adversidades vividas em 2020 e ainda enfrentadas em 2021? De que forma podemos nos manter esperançosos  frente a tantas perdas, angústias, desânimo? Considerando esses sentimentos, a Jornada Pedagógica e o Acolhimento dos alunos do Colégio La Salle Abel em 2021.1 fomentaram reflexões sobre o presente, unidas à fé e à gratidão por cada vida. Os colaboradores pedagógicos e administrativos foram os primeiros a viver este tempo de formação, se reunindo no fim de janeiro e início de fevereiro em momentos de acolhimento e preparação para as aulas. Os encontros aconteceram tanto de forma virtual quanto presencial, nesse último caso respeitando os protocolos de higienização, sanitização e o distanciamento social.  

O setor de Pastoral do Colégio ficou responsável por conectar o tema da Reflexão Lassalista da Rede La Salle de 2021 ao que se espera para este ano e às vivências de 2020. “Você faz parte do milagre'. Nossa visão. Nossa paixão. Nosso futuro” é o mote que convida a comunidade lassalista a refletir mundialmente sobre a passagem bíblica do milagre da Multiplicação dos Pães (João 6, 1-15; Marcos 14,13-21; João 6, 1-14; Lucas 9, 10-17). Com o pouco, Jesus Cristo fez muito, saciando a fome de todo o povo. 

“Façamos o milagre acontecer com aquilo que nós temos de melhor: o dom das nossas vidas. Estamos aqui, vivos, e isso já é um grande sinal de Deus para cada um de nós”, enfatizou Delano Costa, coordenador do setor de Pastoral do Colégio. “A nossa razão de existir enquanto lassalistas é cooperar com a graça de Deus. E isso inclui fazer milagres”, finalizou. 

Nos encontros, os colaboradores foram orientados sobre os novos protocolos e adequações para o enfrentamento da pandemia de Covid-19. Além disso, puderam conhecer um pouco mais acerca de alguns importantes projetos do Colégio. O Comitê Étnico-Racial foi apresentado pelo coordenador e um de seus idealizadores, o professor José Nilton Junior, que também estará à frente dos projetos e ações ao longo do ano. “Estamos abertos a práticas de combate ao racismo; A comissão serve para isso”, frisou Junior, convidando os colaboradores a fazerem parte do Comitê.  Isabela Freitas, coordenadora do setor de Atendimento Educacional Especializado, também compartilhou um pouco mais sobre o trabalho do AEE para os estudantes com deficiências. “Todas as crianças são capazes de aprender. Ninguém é igual a ninguém e nós queremos que as pessoas se sintam bem, felizes em nossos ambientes educativos. Para isso, cada um precisa fazer a sua parte”, conscientizou Isabela.

Multiplicando as boas ações

Com o retorno às aulas presenciais para as famílias que fizeram esta escolha, uma cena tornou-se possível: Kamily Bonfim, Luísa Alvarenga e Yuri Souza, integrantes da Pastoral, bateram de porta em porta para levar aos alunos a história da multiplicação dos pães e peixes. Eles estiveram nas turmas ao longo do mês de março exemplificando como as pequenas ações impactam no dia a dia. “O objetivo é fazer com que as nossas crianças e os nossos colaboradores enxerguem os milagres, os sinais de vida que existem no cotidiano, motivando-os a fazer parte desses milagres'', contou Kamily. 

 

Na Educação Infantil, a mensagem foi passada por meio de uma pequena encenação, com pães e peixes figurativos caindo de uma cesta repleta de papéis picados. Na ocasião, foi realizada também a tradicional “Bênção das Mochilinhas”. O capelão do Colégio, Padre Antônio Sobrinho, aspergiu água benta nas mochilas dos lassalistas a fim de abençoar o ano letivo que se inicia.

No Ensino Fundamental e no Ensino Médio os alunos foram estimulados à prática de pequenos atos de amor no dia a dia. “Usar a máscara, ajudar uma pessoa em situação de rua, ajudar os que enfrentam injustiças... Todas essas atitudes são o que podemos fazer para realizar milagres nas nossas vidas e na vida do outro”, sugeriu Luísa Alvarenga em uma das turmas por onde passou. Também na ocasião, os alunos do Ensino Fundamental Anos Iniciais foram convidados a participar da catequese, já os dos Anos Finais e do Ensino Médio foram chamados a participar da Pastoral Juvenil Lassalista (PAJULA) e  do Voluntariado. Os encontros desses grupos serão online, nos contraturnos, promovidos como forma de aproximar os estudantes do carisma lassalista.  

 

 

 

Por: Camila Reis

Fotos: Clarisse Eichler e Lucas Rocha

Comunicação e Marketing Colégio La Salle Abel

 

< voltar